Corpo de estudante morta em apartamento é sepultado hoje em Fortaleza; família aciona advogada em João Pessoa

  O velório e sepultamento da jovem Mariana Tomaz de Oliveira, encontrada morta ontem em um apartamento na Orla de João Pessoa, ocorre neste domingo (13), em Fortaleza, no Ceará. O Corpo da jovem foi liberado ontem, após perícia no Instituto Médico Legal.

A perícia confirmou que Mariana tinha lesões no pescoço e morreu por asfixia.

A advogada criminalista Dayane Carvalho foi acionada pela família de Mariana para representar os familiares no caso. O suspeito de cometer o crime, empresário Johannes Dudeck,, foi preso ontem logo após o corpo da jovem ser encontrado.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima estava junta com o empresário. Johannes acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), afirmando que Mariana teria passado mal e sofrido uma convulsão.

Ao chegar ao local, a equipe médica constatou que a estudante já se encontrava em óbito. Naquele momento, o corpo não apresentava sinais claros de sofrimento ou violência.

 

Postar um comentário

0 Comentários