Energisa pode deixar mais de 1 Milhão de Paraibanos sem Internet em Casa maio 04, 2022

  Interferência externa na rede elétrica deixou mais de 25 mil clientes sem  energia em 2021 - ContilNet NotíciasSe você está lendo esta matéria agora, então é porque você ainda tem internet na sua casa. Mas, no que depender da Energisa, esta comodidade está com os dias contados.

 Você deve estar se perguntando, o que a Energisa tem haver com Internet? 
 
A Energisa é detentora dos postes de energia elétrica em todo estado, com isso, as empresas provedoras de Internet, só podem levar o sinal até a sua casa utilizando os mesmos postes, utilizados pela Energisa. 
 
O PROBLEMA:
 
Segundo os proprietários das empresas de Internet, provedores, a Energisa estaria efetuando cobranças abusivas, pela utilização de cada poste em solo paraibano. 
 
A informação é que cada poste chega a custar 13 reais, por mês, para cada provedor de internet. 
 
“Se for necessário usar 6 postes para levar a fiação até a sua casa a Energisa vai cobrar o valor de 6 x 13,00, o que inviabiliza o negócio, pois, a mensalidade cobrada dificilmente passa dos 69,00 reais mensais."
 
Segundo os provedores, a Energisa vem tratando as cobranças de forma desigual, sendo que as grandes empresas como a Oi, Claro, Net, Brisanet e outras, pagam muito pouco pelo uso de cada poste e cobram muito do cliente. Além disso, segundo os pequenos empresários, essas "grandes" empresas não estariam oferecendo um serviço de qualidade para os consumidores. 
 
Sem saída, os pequenos empresários buscaram a ajuda do Deputado Estadual, Walber Virgolino, que se comprometeu a ajudar naquilo que for nescessário. Paulo Ferreira, conhecido nas redes sociais pelas inúmeras cobranças ao serviço público, também abraçou a causa em favor dos provedores de internet.
 
" A Energisa não pode interferir dessa forma na vida de milhares de paraibanos, prejudicando tantas pessoas de uma só vez, através de uma coisa tão simples de se resolver." Disse o Deputado Walber Virgolino. 
 
Ainda de acordo com os provedores, existe uma clara intenção da Energisa em beneficiar os grandes e prejudicar os pequenos, pondo um fim na concorrência, o que forçaria o cliente a adquirir pacotes bem mais caros das grandes empresas, e terem um serviço de baixa qualidade. 
 
Efeito: 
Se caso a Energisa não comece a revisar os valores, mais de 1,5 Milhões de paraibanos terão seus serviços de Internet interrompidos, sobretudo em lugares onde somente os pequenos provedores conseguem chegar. 
 
Blog do Nil Rodrigues

Postar um comentário

0 Comentários