“Parecer equivocado”, diz João Gonçalves sobre decisão do TCE que reprovou contas de João Azevêdo

 O deputado estadual, João Gonçalves (PSB), avaliou como equivocada a decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que reprovou ontem as contas do governador João Azevêdo (PSB) referentes ao exercício de 2019. De acordo com Gonçalves, nem o governador nem os técnicos do governo cometeu irregularidades. “Todos os governadores que passaram tiveram os codificados e tiveram a regularidade nas contas”, afirmou.

O parlamentar estranhou que, em pleno ano eleitoral, o TCE tenha julgado as contas do governador de forma tão célere. “Em outros governador deram a aceitabilidade dentro do percentual exigido por lei. No governo João, no ano eleitoral, se discute de forma diferente. O governo deverá fazer o recurso e espera-se que o tribunal possa rever”, argumentou.

Blog do Anderson Soares

O procurador-geral do Estado, Fábio Andrade, já informou que vai recorrer da decisão no próprio TCE. Caso não seja revertida, as contas serão enviadas para julgamento dos deputados  na Assembleia Legislativa. As contas do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) referentes aos exercícios de 2016, 2017 e 2018, cujos pareceres do TCE foram pela reprovação.

Postar um comentário

0 Comentários